Galiza (A Guarda), 22 de Janeiro de 2012

Já o sol dava luz da sua graça quando um pequeno grupo de domingueiros as 8.10 deu destino, do Dragão a Vila Nova de Cerveira.

Um outro grupo de Domingueiros nos esperava ,depois de uma concentração e de um aconchego de barrigas numa confeitaria, la partimos a terras de Nuestros Ermanos (Espanha).

Já o relógio marcava 10.20 quando demos inicio a nossa caminhada, começamos em observar os primeiros moinhos e os sons das águas galegas, caminhando sempre na companhia da água cristalina lá fomos subindo observando os magníficos moinhos em bom estado de conservação e com uma paisagem magnifica relembrando as palavras do nosso caminheiro Juan ( um bom local para fotografias de casamento ) , depois de uma pequena subida foi tempo para carregar baterias.

Com a barriguita aconchegada lá partimos na companhia de um estradão terra batida e algumas subidas e o olhar desconfiado dos bonitos cavalos chegamos ao local magnifico com uma vista sobre a Vila Nova de Cerveira e Caminha e o nosso oceano Atlântico,e o Sol primaveril la fomos dando ao dente que as 12.30 já dava fome. Bem comidos e bebidos como é de praxe lá tiramos a foto de grupo ( 31 domingueiros ) e vamos embora que se faz tarde. Sempre com observação sobre o Oceano Atlântico e o cheiro das Urzes e o aroma da caruma dos pinheiros la fomos descendo até mais um conjunto de moinhos e local magnifico fomos caminhando junto ao rio onde chegamos ao local mais aguardado, atravessar um pequeno ribeiro com algumas habilidades e contornos la se conseguiu atravessar sem molhar os pés com excepção de três domingueiros. Depois do nosso trapezismo continuamos o nosso caminho para a ultima parte de moinhos mais uma vez uma paisagem espectacular fomos descendo na companhia das águas Galegas e algumas fotografias chegamos ao fim da nossa caminhada onde o sol foi a nossa grande companhia e com alegria e bom humor, aguarda-se aproxima.